segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Pérolas em jornais brasileiros

Você já deve ter visto vários posts de “pérolas” escritas em redações do Enem ou de vestibulares e até mesmo no no Orkut. Porém, escrever besteiras e pleonasmos não é privilégio de pessoas menos estudadas e, como prova disso, apresento um conjunto de “pérolas” em jornais brasileiros.

” (…) mas isso não se torna um BICHO DE SETE PAPÃO (…) ?”
Imagino que seja um bicho de sete cabeças, e cada cabeça é um bicho-papão.

“Biblioteca terá livro gravado em fita K-7 para surdos”
(Será que os surdos conseguem ouvir fitas K-7?)

“A nova terapia traz esperanças a todos os que morrem de câncer a cada ano.”
(Viva a ressurreição!)

“Apesar da meteorologia estar em greve, o tempo esfriou ontem intensamente.”
(Não pagaram os direitos do El Niño. Olha no que deu.)

“Os sete artistas compõem um trio de talento.”
(Alguém aí tem uma calculadora?)

“A vítima foi estrangulada a golpes de facão.”
(Que horror…)

“No corredor do hospital psiquiátrico, os doentes corriam como loucos.”
(É mesmo?! Que coisa impressionante!)

“Ela contraiu a doença na época em que ainda estava viva.”
(Que azar, coitada!)

“O aumento do desemprego foi de 0% em novembro.”
(Onde vamos parar desse jeito?)

“O presidente de honra é um jovem septuagenário de 81 anos.”
(Quanta confusão!)

“Parece que ela foi morta pelo seu assassino.”
(Como conseguiram desvendar o mistério?)

“A polícia e a justiça são as duas mãos de um mesmo braço.”
(É, todo mundo já sabia que eram defeituosas.)

“O acidente foi no tristemente célebre Retângulo das Bermudas.”
(Retângulo das Bermudas?)

“Quatro hectares de trigo foram queimados. A princípio, trata-se de um incêndio.”
(Achei que fosse uma churrascada vegetariana.)

“O velho reformado, antes de apertar o pescoço da mulher até a morte, se suicidou.”
(A volta dos mortos-vivos.)

“Na chegada da polícia, o cadáver se encontrava rigorosamente imóvel.”
(Viu como ele é disciplinado?)

“O cadáver foi encontrado morto dentro do carro.”
(Puxa, por pouco não pegam um cadáver vivo!)

Vi no Megacubo.

Nenhum comentário: